quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Génesis 24: Põe agora a tua mão debaixo da minha coxa

Já velho, vendo que o SENHOR o tinha abençoado em tudo, Abraão foi tomado pelo tédio dos ricos e acordou uma manhã sem saber o que fazer. Então disse ao seu servo mais velho, que era também mordomo, conselheiro, jardineiro, alfaiate, trolha e primeiro-ministro:
– Põe agora a tua mão debaixo da minha coxa e jura pelo SENHOR que vais à terra dos meus pais buscar uma mulher para Isaac e que escolhes para Isaac uma mulher da minha família.
E o servo pôs a sua mão debaixo da coxa de Abraão e jurou que assim faria.
– Põe agora o teu ombro direito no meu ombro esquerdo e jura pelo SENHOR que escolherás uma bem nutrida, com bons dentes e bons cabelos.
O servo pôs o seu ombro direito no ombro esquerdo de Abraão e jurou que assim faria.
– Agora coça-me as costas.
E o servo assim fez.

E partiu o servo para a Mesopotâmia, para a cidade de Naor, e chegado lá foi beber e dar de beber aos camelos e o SENHOR o iluminou e o servo disse:
– É meio-dia! Pára lá com isso das luzes, já viste o calor que está? Passa-me só a informação relevante.
E o SENHOR disse:
– Escolhe a primeira donzela que te der água e aos camelos e despacha já o assunto.
E o servo assim fez. E a primeira donzela que lhe deu de beber e aos camelos foi Rebeca, que, veio a saber-se, era sobrinha-neta de Abraão.
– O mundo é uma aldeia – Disse o servo.
– Um balde de areia. – Concordou Rebeca.
E o servo contou aos parentes de Rebeca o quanto Abraão tinha enriquecido, tanto que tinha comprado um campo de futebol só para sepultar Sara.
– Aaaah, deixou-se engordar, pobrezinha. – Comentou a avó de Rebeca, contente e despeitada, mas fingindo-se pesarosa.

E o servo contou que Abraão o tinha enviado para encontrar uma moça da família para Isaac. E os familiares de Rebeca chamaram-na e, contando-lhe tudo, perguntaram-lhe:
– Irás tu com este homem?
E Rebeca respondeu:
– Irei.
– Mas não o embebedes nem o seduzas, não entres em nenhuma gruta, deves ir daqui directa ter com Abraão. – A família de Abraão estava traumatizada com as notícias sobre as filhas de Lot e com razão, pois a coisa parecia ter-se tornado moda entre as mais jovens mulheres da família.
E abençoaram Rebeca. E Rebeca, sua irmã, sua ama e o servo de Abraão levantaram-se cedo, montaram-se nos camelos, e foram. E no caminho o servo de Abraão foi escandalosamente embebedado, seduzido e abusado pelas três mulheres, e ameaçado de ficar sem língua se dissesse alguma coisa.
E já chegados perto das tendas de Abraão, o servo apontou Isaac a Rebeca, e esta cobriu a cara com o véu, e apontou Rebeca a Isaac, e este levou-a para a tenda, tirou-lhe a roupa, tomou-a por mulher, e amou-a.
«E assim Isaac foi consolado depois da morte de sua mãe», o que é bastante doentio.

2 comentários:

dcc disse...

A Bíblia não nos deixa de surpreender. Até um pouco de kamasutra é.
Beem...
E assim Isaac foi consolado depois da morte de sua mãe!
O_o

camponesa pragmática disse...

O_o

é uma grande frase.