segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Génesis 32 - O nervo encolhido

Jacó ia pelo seu caminho quando se deparou com o exército de Deus:


Mandou-os à frente, avisar o mano Esaú que, como peregrino, estivera detido até então com Labão, e que trazia muito animal consigo. Os Anjos foram num pé e voltaram noutro, avisando então Jacó que Esaú também vinha ao encontro dele, trazendo consigo 400 homens (muito mais animal ainda, portanto). Jacó borrou-se um bocado perante esta notícia e resolveu repartir o povo e o bichedo que vinha com ele em dois bandos. Assim, pensava ele, se Esaú ferisse um bando, o outro escaparia.

Jacó muito rezou ao SENHOR. Durante a noite arranjou um presente para oferecer a Esaú a fim de amenizar o encontro. "Duzentas cabras e vinte bodes; duzentas ovelhas e vinte carneiros; trinta camelas de leite com suas crias, quarenta vacas e dez novilhos; vinte jumentas e dez jumentinhos". O SENHOR, no alto das nuvens, pensava de si para si: mais valia trocares esse bichedo por uma dúzia de loiraças com boa dentição, peito avantajado e ancas largas.

Jacó deu a indicação aos seus homens para que levassem a prenda adiante, e a oferecerem a Esaú quando o encontrassem, não esquecendo, claro, de dizer de quem vinha. Conceição, a Grande, berrava lá de onde estava: seu medricas!

Jacó passou a noite no arraial. Depois de tomar as suas duas mulheres, as duas servas, os onze filhos, e o seu vinil de Natal do Michael Bolton, e os fazer passar por um ribeiro, viu-se só e atacado por um homem. No meio da luta teve uma luxação da coxa e pediu ajuda a dcc, santo padroeiro das luxações.

Estavam ambos entretidos e engalfinhados, quando Jacó, já um pouco incomodado, pediu:
- Deixa-me ir que já são horas.
O homem lá se revelou:
- A partir de agora não mais te chamarás Jacó mas Israel. Pois lutaste como um príncipe com Deus e com os homens.
Jacó gostou do engate e achou que lhe devia perguntar o nome, mas a única resposta foi uma benção. Chamou então àquele sítio Peniel.

- Tenho visto a Deus face a face, e a minha alma foi salva.
Bazou, com o Sol ao alto, manco da coxa.

Por isso os filhos de Israel não comem o nervo encolhido, que está sobre a juntura da coxa, até o dia de hoje; porquanto tocara a juntura da coxa de Jacó no nervo encolhido.

3 comentários:

camponesa pragmática disse...

"Por isso os filhos de Israel não comem o nervo encolhido, que está sobre a juntura da coxa, até o dia de hoje; porquanto tocara a juntura da coxa de Jacó no nervo encolhido."

Oi?

dcc disse...

É, eu também num intendji muito béin nãumm! Bota mais uma cruzinha em pirolice bíblica. Experimenta ler na de papel, talvez se entenda melhor esta parte, é que em relação ao último parágrafo resolvi não trocar sequer uma vírgula... não sabia como.

Dr. Scepticu disse...

Eu uma vez troquei vírgulas por gasolina, na Galp.